Mais um roubo é registrado em UBS e Sindicato quer mais segurança

1
289

Depois de mais um roubo registrado na Unidade Básica de Saúde Adalberto Teixeira Andrade, na Vila Recreio, o Sindicato vai cobrar, mais uma vez, que o Governo Municipal garanta a segurança dos trabalhadores e dos usuários da UBS. No último episódio, na manhã da última terça-feira (13), o celular do filho de uma paciente que foi ao local para ser vacinada contra o novo coronavírus foi roubado. Por conta de mais este roubo, os trabalhadores fecharam a unidade na tarde do dia do ocorrido e diversos cartazes foram colocados nas paredes da Unidade informando e orientando os pacientes que buscaram por atendimento.

“O Sindicato sempre cobra do Governo que ele dê segurança aos trabalhadores. Como é possível um servidor, de uma área tão relevante como a saúde, focar em seu trabalho com tanta insegurança? É muito complicado! Não foi a primeira vez que aconteceu na UBS da Vila Recreio. Aliás, muitos outros roubos e furtos já aconteceram naquela unidade e em várias outras. O mínimo que o Governo tem a fazer é garantir a segurança de seus trabalhadores”, ressalta a Coordenadora da Seccional da Saúde do Sindicato, Célia Lima.

Prioridades Invertidas

Para o Sindicato dos Servidores é óbvio que as prioridades do Governo Municipal são bem diferentes das prioridades dos trabalhadores e da população de Ribeirão Preto. A confirmação de tal fato está na nossa realidade. Ribeirão vive hoje a pior fase da pandemia da Covid-19, com dezenas de pessoas morrendo diariamente, centenas internadas e muitas outras esperando por vagas em hospitais ou sendo contaminadas.

“Mesmo diante deste triste cenário a prioridade do Governo é que ele chama de ‘Reforma Administrativa’. Que na verdade foi a forma encontrada pela administração municipal para retirar direitos dos trabalhadores, regularizar cargos comissionados sem vínculo e fazer uso dos recursos financeiros superavitários do DAERP ao torná-lo uma Secretaria. Isso tem que mudar”, finaliza o presidente do Sindicato, Laerte Carlos Augusto.

1 COMENTÁRIO

  1. O governo negligência a segurança da população e consequentemente tbm dos servidores das unidades de saúde, que estão EXAUSTOS, estão lidando tbm com o estresse da população nessa pandemia e ainda sem poderem se sentirem seguros,nos locais de trabalho,o mínimo que o governo nogueira deve fazer e com urgência é proteger os trabalhadores na linha de frente.Garantir segurança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui