Governo responde e cozinheiros serão contratados

0
104

Atendendo as cobranças do Sindicato e dos trabalhadores, o governo de Ribeirão Preto encaminhou uma resposta a entidade que representa a categoria informando que dez novos cozinheiros e cozinheiras serão chamados nos próximos dias para compor o quadro de profissionais, defasado, da rede municipal. A resposta foi dada atendendo a reivindicação feita pelo Sindicato e pelos cozinheiros e cozinheiras em reunião realizada no Palácio Rio Branco, no dia 4 de outubro.

Na mesma resposta, o secretário da Educação, Luiz Rufino, se comprometeu a chamar pelo menos mais dez profissionais até o final deste ano, perfazendo um total de 20 contratações.

“Sabemos que  o chamamento de dez profissionais imediatamente e mais dez até o final do ano ainda é insuficiente. A demanda da rede é bem superior. Porém, vale ressaltar o empenho dos cozinheiros e cozinheiras que se mobilizaram com o total apoio do Sindicato para conquistarem esse feito. A contratação de mais 20 profissionais até o final do ano vai melhorar a condição de trabalho de todos, mas ainda continuaremos batalhando para que toda a demanda seja suprida. Não será uma luta fácil, mas estamos preparados para essa batalha”, diz a coordenadora da Seccional da Educação, Profª. Cristiane Gonçalves Francisco.

“Infelizmente pela rotina, exaustiva, que os cozinheiros e cozinheiras enfrentam no dia a dia de trabalho, muitos profissionais estão ficando doentes e se afastando. Este grave problema só será solucionado quando tivermos na rede municipal a quantidade suficiente de trabalhadores para atender a demanda que é enorme. Acontecendo contratação de dez profissionais nos próximos dias e mais dez até o final do ano, vai ajudar bastante, mas a realidades destes servidores ainda ficará longe da ideal. Por isso, é importante que os profissionais continuem mobilizados junto com o Sindicato, para que consigamos atingir o objetivo, que é a contratação da quantidade necessária de novos cozinheiros e cozinheiras para atender a demanda existente. Essas contratações que serão feita até o final do ano já representa uma vitória dentro desta batalha que estamos travando”, finaliza o presidente em exercício do Sindicato, Laerte Carlos Augusto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui