Servidores do Daerp entram em greve

0
136

Os trabalhadores do Departamento de Água e Esgoto de Ribeirão Preto (Daerp) da rua Pernambuco cruzaram os braços na manhã desta quarta-feira (29/02), depois que os responsáveis pela autarquia decidiram impedir que os trabalhadores usassem o período destinado a realização de serviços bancários.
A categoria conquistou em 1997, em acordo coletivo, o direito de utilizar um horário durante o expediente de trabalho para a ida aos bancos, motivo pelo qual os servidores não aceitaram qualquer tipo de mudança neste benefício.
Ciente da situação, a Diretoria Atuante reuniu os trabalhadores e deu apoio irrestrito a paralisação, cobrando da administração municipal a solução imediata do problema, sob o risco do início das discussões sobre a Data-Base 2012 se dar em meio a uma greve que poderia atingir outros setores da administração municipal.
“A chefia no Daerp não pode simplesmente cortar um direito adquirido pelos servidores depois de tanta luta. Não vamos aceitar este tipo de comportamento, ainda mais em um momento tão importante como este da discussão da campanha salarial”, afirmou o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Ribeirão Preto, Wagner Rodrigues.
Problema resolvido
Duas horas depois do início da paralisação o secretário da Casa Civil, Layr Luchesi Junior, se reuniu com a Diretoria Atuante e os trabalhadores, informando que o horário de ida aos bancos não seria alterado, o que fez com que a manifestação chegasse ao fim. “É mais uma vitória dos trabalhadores que mostraram que não vão aceitar ordens arbitrárias que prejudiquem a categoria. Esse movimento mostrou que estamos unidos e prontos para a realização de uma grande Data-Base”, garantiu Wagner.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui