Servidores do DAERP cruzam os braços e paralisam os serviços no posto da Pernambuco

0
110

Os trabalhadores do DAERP da rua Pernambuco cruzaram os braços na manhã de hoje e paralisaram todos os serviços realizados pela autarquia. A paralisação aconteceu pela falta de condições de trabalho para os servidores.

A declaração de um diretor comissionado da autarquia dizendo que existiria mais de 80 bombas de reposição no estoque do DAERP desencadeou a reação dos trabalhadores.

“Há meses os servidores do DAERP estão sendo criticados pela população e pelos órgãos de imprensa de Ribeirão Preto. Teve funcionário que foi ameaçado de morte por causa da falta de água em diversos bairros da cidade. Quando na verdade é por falta de equipamentos e condições de trabalho que os problemas estão assolando a cidade. Não existem bombas de reposição, o governo não dá manutenção nas que estão quebradas e muito comprando novas bombas. Se queimar uma bomba de um posto, tem que esperar que essa bomba seja consertada para que o serviço volte a ser oferecido à população, um verdadeiro absurdo! Para piorar, diante de tantos problemas, vem um comissionado, que pouco conhece da realidade do DAERP, e diz que existem bombas reservas. O bom é que todos puderam comprovar que tudo não passa de mais uma grande mentira desse governo, já que os trabalhadores mostraram para toda a imprensa a verdade sobre a autarquia”, ressalta o presidente do Sindicato, Wagner Rodrigues.

O DAERP continua parado. Uma assembleia com os trabalhadores e os gestores da autarquia vai acontecer na tarde de terça-feira, dia 4, para definir os rumos da paralisação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui