Servidores da Educação se reuniram para apresentação da minuta para eleição de diretores

0
104

Documento foi elaborado por comissão e seguirá em formato de Projeto de Lei para votação na Câmara Municipal

 

Na noite da última quarta-feira (30), servidores da educação se reuniram na Câmara Municipal de Ribeirão Preto para a apresentação da minuta do Projeto de Lei para a eleição de diretores da rede municipal de ensino. O encontro serviu para esclarecer dúvidas quanto ao documento e informar sobre as próximas etapas do processo.

O processo está sendo elaborado desde o mês de maio pela Comissão Coordenadora do Processo de Escolha, composta por representantes de diversas entidades e da sociedade civil, interessados na gestão da educação municipal. “Na última segunda-feira nós finalizamos o texto e dentro das responsabilidades da comissão está a apresentação do texto para diretores e representantes dos professores, razão do nosso encontro ontem”, esclareceu Clarice Aparecida Ferraz, secretária municipal de educação interina.

matéria2_4A secretária de educação interina, Clarice Ferraz, durante a leitura da minuta no plenário da Câmara Municipal (Foto: SSM)

A criação do Projeto de Lei visa tornar o processo eleitoral o mais claro e democrático possível, sem a interferência de terceiros. Bandeira defendida há muitos anos pelos servidores, cuja intenção é escolher aqueles que representem os interesses da própria comunidade escolar.

“Nós lutamos para que seja implantada na rede municipal de ensino a gestão democrática da educação. Isso implica um processo em que o diretor é eleito por seus pares e pela comunidade escolar”, afirmou Donizeti Barbosa, vice presidente do Sindicato e representante da entidade na Comissão.

Segundo Barbosa, o gestor será encarregado de, junto com professores e alunos, construir um projeto político pedagógico de qualidade. “A intenção é que não hajam mais pessoas nomeadas pelo poder central, mas sim voltadas aos interesses da própria comunidade escolar”.

matéria6_5O vice presidente do Sindicato, Donizeti Barbosa, e parte da Comissão responsável pela elaboração do documento (Foto: SSM)

Durante cinco dias o texto estará disponível para consulta pública no site da Secretaria Municipal de Educação, após esse período a comissão retoma os trabalhos. “Toda comunidade escolar poderá entrar, acessar e dar sua opinião, fazer as suas sugestões. Após cinco dias úteis a Comissão retoma os trabalhos, fazendo uma compilação dessas sugestões e agregando ao texto”, explicou Clarice.

O último passo é o envio do Projeto para a Câmara Municipal para votação e aprovação. A intenção da secretaria é que o projeto será aprovado o mais rápido possível, para que os novos diretores possam assumir já no início do próximo ano.

Você pode acessar a minuta na íntegra clicando aqui > Minuta de Projeto de Lei.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui