Após 23 anos de luta, Diretoria Atuante conquista PCCS!

0
151

Após vários anos de luta, o Sindicato dos Servidores conquistou o maior desejo dos trabalhadores e trabalhadoras: o PCCS – Plano de Cargos, Carreiras e Salários.
A valorização sempre foi alvo perseguido pela coletividade dos servidores e não é de hoje que esse assunto incomoda as administrações públicas, pois com um PCCS em atividade as estruturas organizacionais dos setores ficam valorizadas e melhoram a qualidade dos profissionais que as executam.
Alguns aspectos, como pontualidade, merecimento, graduação e formação serão medidores decisivos para que os trabalhadores possam ascender em sua carreira, pois o trabalhador que não buscar a formação pouco poderá usufruir do plano.
Problemas históricos como servidores que prestaram concurso para nível médio e se qualificaram com graduação universitária serão reconhecidos, até porque o serviço é prestado à sociedade.
“Todos aqueles que persistem em seus propósitos, independentemente dos avanços e das pedras que são colocadas em nosso caminho, no fim se tornam sempre vencedores, assim é a Diretoria Atuante”, afirma Laerte Carlos Augusto vice-presidente do Sindicato.

Mulheres comemoram a oportunidade
A grande maioria dos servidores de Ribeirão é de mulheres. E essas trabalhadoras em mais 80 % são graduadas e ocupam cargos de nível médio. Com a proposta do PCCS haverá justiça às trabalhadoras que desenvolvem suas atividades e que colocam em prática suas habilidades adquiridas na universidade.
“Nós mulheres temos jornada dupla, possuímos família e estamos à disposição da sociedade através de nossos setores públicos. Diferente da iniciativa privada, onde os salários entre homens e mulheres são diferentes, aqui somos reconhecidas com o tratamento da igualdade”, afirmou Jacira Campelo, diretora de Sindicalização e dirigente estadual da CTB e UBM – União Brasileira de Mulheres.

Entenda o PCCS
O PCCS será colocado em prática em fases e nesse momento nenhum servidor ficará sem ter reconhecido seu tempo de serviço, por exemplo, quem tem de 3 a 10 anos de serviço subirá um nível, de 10 a 17 anos, dois níveis (veja tabela abaixo). Depois será aberto o prazo para que o servidor apresente suas graduações e participem da ascensão a cada biênio.
Veja abaixo a tabela do PCCS que se refere ao tempo de serviço:

Premiação por tempo de serviço a partir de agosto de 2012

Tempo Efetivo de Exercício Nível na Carreira
Acima de 03 até 10 anos 01
Acima de 10 até 17 anos 02
Acima de 17 até 24 anos 03
Acima de 24 anos 04

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui