Sindicato realiza consulta, servidores dão show de democracia, e duas gratificações são aprovadas

0
68

Consulta aos servidores ocorreu durante a manhã e a tarde desta segunda-feira (6), através de voto secreto em urnas

 

Os trabalhadores do Departamento de Água e Esgoto de Ribeirão Preto (Daerp) foram às urnas nesta segunda-feira (6), de forma democrática, e aprovaram duas das três propostas feitas pela superintendência da Autarquia. As propostas fazem parte de um acordo coletivo específico para os servidores do Daerp, que visam a manutenção de gratificações históricas que foram retiradas dos trabalhadores e uma nova jornada de trabalho para os operadores de sistema de água.

O Sindicato dos Servidores Municipais, pelo princípio da boa-fé que sempre deve nortear as negociações coletivas de trabalho, apresentou para os servidores da autarquia as três propostas de Acordo Coletivo de Trabalho com propósitos específicos que foram votadas nesta segunda-feira. O resultado do referendo mostrou a vontade expressa e voluntária dos trabalhadores. Ao todo, 688 votos foram colhidos das 7 às 17 horas.

Matéria4

 

Incentivos Pecuniários

Gratificação por Contribuição a Efetividade, Eficácia e Eficiência de Serviços – G3

Com as duas propostas aprovadas, todos os servidores da autarquia terão direito, com a finalidade de valorizar os esforços e o trabalho da categoria, a concessão de incentivos pecuniários de desempenho, representado pela Gratificação por Contribuição a Efetividade, Eficácia e Eficiência de Serviços – G3. Foram 596 votos no total: sendo 583 sim, 11 não, 1 voto branco e 1 voto nulo.

 

Gratificação por Excelência em Atividade de Atendimento ao Usuário (GEAAU)

Já os servidores do Daerp que desempenham atividades de orientação e atendimento direto ao usuário também serão contemplados com a Gratificação por Excelência em Atividade de Atendimento ao Usuário (GEAAU). Ao todo foram colhidos 16 votos e todos pelo sim, que refere-se à aprovação da proposta. “Foi uma vitória da categoria e da democracia. O compromisso que a entidade assumiu com os trabalhadores foi cumprido plenamente. Algumas gratificações haviam sido retiradas por falta de reserva legal, mas com o acordo aprovado elas estão garantidas permanentemente, inclusive levando-as para as aposentadorias”, ressalta o presidente do Sindicato dos Servidores, Laerte Carlos Augusto.

 

Jornada de Trabalho 12 x 36

A terceira proposta dizia respeito aos servidores que trabalham no sistema de operação de bombas e reservatório e previa a alteração da jornada de trabalho dos servidores para 12 horas de trabalho por 36 horas descanso. Com a reprovação da categoria, foram 76 votos colhidos, sendo 55 não, 18 sim e 3 nulos, o Sindicato comunicará os gestores do Daerp sobre a decisão. “Vamos comunicar os gestores do Daerp do que foi decidido com ampla participação dos servidores, e já iniciar um novo debate para buscar o que for melhor para os servidores”, diz Laerte.

“Eu participei de todo o processo e tudo foi feito de formar correta. Todos os servidores do Daerp tiveram a oportunidade de participar e isso foi muito bom. Quanto o não da categoria sobre a jornada 12 x 36 foi feita a vontade da maioria. Queremos voltar a discutir essa proposta com a direção do Daerp”, afirma o servidor Ademir de Paula.

“Vamos organizar a comissão com o Sindicato para que a gente volte a debater o assunto com a superintendência e busquemos o melhor para o Daerp e para os servidores da autarquia”, finaliza o operador de sistema de água, Antônio Batista ‘Pintado’.

Matéria_2

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui