Sindicato cobra da SMS operacionalização do Decreto 50/2021 no serviço público

0
453

Assim que o decreto municipal nº 50, com regras mais restritivas de isolamento social, foi publicado na tarde de hoje (16) pelo Governo Municipal, a Direção do Sindicato foi até a sede da Secretaria Municipal da Saúde com os vice-presidentes Caio Cristiano e Alexandre Pastova e a coordenado da Seccional da Saúde da entidade Célia Lima em busca de esclarecimento de como será operacionalizado o novo Decreto, a fim de garantir também o isolamento social para servidores com comorbidades (ou com mais de 60 anos), bem como as escalas nas repartições com a finalidade de reduzir a presença de servidores nos locais de trabalho, o tele Trabalho e a dispensa para os servidores cujas funções não possibilitam o trabalho remoto.

“A equipe dos gestores da SMS apresentará para o conjunto dos servidores uma Nota explicativa de como será cumprido o Decreto nº 50/2021. Caso não seja resguardado o direito de proteção à vida de servidores idosos e ou com comorbidades, além de medidas que reduzam a presença de servidores em seus locais de trabalho, buscaremos as medidas cabíveis”, salientou o Pastova.

“O Governo tem de manter o mesmo rigor do decreto 50/2021 na garantia à vida dos trabalhadores. O servidor dos serviços essenciais tem de ser vacinado o mais rápido possível, para que ele não se exponha a riscos e também não ofereça riscos à população”, ressalta Caio.

“O conjunto de trabalhadores que está na linha de frente tem passado por momentos exaustivos nesta pandemia. Estes trabalhadores merecem e devem ser valorizados”, lembra Célia.

“As regras mais restritivas são necessárias, principalmente neste momento de enfrentamento desta pandemia. A mesma proteção que o decreto busca para a população tem de ser ofertada aos trabalhadores. Ribeirão não sucumbiu ainda á pandemia por conta do trabalho dos nossos servidores, que continuam atendendo e dando o respaldo necessário a população. Se a saúde do trabalhador não for preservada, Ribeirão poderá perder a luta contra a Covid”, acrescenta o presidente do Sindicato, Laerte Carlos Augusto.

Sindicato, o tempo todo com você!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui