Servidores de Guatapará aprovam proposta de 6,30% de reajuste

0
163

Os servidores municipais de Guatapará aprovaram em assembléia geral na noite de terça-feira, dia 31 de maio, a proposta de reajuste salarial de 6,30% apresentada pela prefeitura. Depois de 30 dias de negociação os servidores de Guatapará saíram vitoriosos da primeira data base no município. No final da tarde de terça-feira, 31, o prefeito, Samir Redondo, encaminhou para os trabalhadores a proposta da administração. A oferta da prefeitura foi colocada em votação e aprovada pela maioria dos servidores que participaram da assembléia realizada na sede do Sindicato. Além do reajuste salarial de 6,30%, referente a inflação, também foi concedido aos trabalhadores de Guatapará um aumento de 25% no vale alimentação, que passa de R$ 80 para R$ 100. Sobre o vale alimentação ainda ficou acordado com o prefeito que no mês de outubro deste ano haverá um novo aumento e o benefício passará para R$ 115. “O prefeito nos garantiu que o aumento em outubro será de, pelo menos, R$ 15. Ele disse que se a arrecadação melhorar este aumento poderá ser maior”, explica o vice presidente do Sindicato, Laerte Carlos Augusto.
Atrasados – O Sindicato também cobrava da administração municipal na pauta de reivindicações os atrasados da época de 2006 a 2010, já que nestes anos os servidores não receberam nenhum reajuste salarial. Somados, os atrasados chegam a 24%. Na proposta apresentada pela prefeitura também foi criado um cronograma de pagamento de parte dos atrasados. O prefeito se comprometeu a pagar aos servidores em quatro anos 8,5%. “O pagamento começa ser feito já no mês de outubro, quando a administração vai incorporar ao salário do servidor mais 1,7%. E assim será feito anualmente. A próxima incorporação acontecerá em maio do ano que vem. “O fato do prefeito pagar parte dos atrasados mostra que a prefeitura reconhece que tem uma dívida com a categoria. O restante, 15,5%, que é devido ao trabalhador nós vamos continuar discutindo com o governo e a possibilidade de buscar este pagamento na Justiça também existe. Foi uma grande negociação dos trabalhadores e do Sindicato. Saímos vitoriosos desta primeira batalha, de muitas que virão”, afirma o presidente do Sindicato, Wagner Rodrigues.
Além das conquistas financeiras o Sindicato garantiu para os trabalhadores nesta data base a criação de comissões paritárias para discutir com a administração municipal a criação de Plano Cargos, Carreiras e Salários, cartão de compra, a regulamentação da CIPA e a redução de jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais.
“Foi a primeira vez que os servidores estiveram diante de uma mesa de negociação. Nunca houve uma pauta e agora conseguimos um bom reajuste no salário e no vale alimentação. Tenho certeza que também vamos resolver grande parte dos problemas dos servidores”, finaliza a presidente da Seccional de Guatapará, Rosimara Emídio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui