Servidores aprovam, em assembleia geral, reajuste de 6,18%

0
1911

Os servidores municipais de Ribeirão Preto aprovaram, em assembleia geral, realizada na sede do Sindicato, na noite desta sexta-feira, 28 de fevereiro, um percentual de reajuste salarial de 6,18%.  O mesmo índice, 6,18%, foi aprovado para a reposição do vale-alimentação dos trabalhadores e da cesta básica nutricional dos aposentados e pensionistas.

O presidente do Sindicato, Laerte Carlos Augusto, explica que o “índice que será cobrado do Governo Municipal nesta Campanha Salarial de 2020 é referente aos 4,48% de reposição da inflação, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), mais uma aumento real de 1,7%, perfazendo o total de 6,18% de reajuste, a serem aplicados retroativamente a 1º de março aos salários, ao vale-alimentação e a cesta básica nutricional dos aposentados e pensionistas”.

“Temos que ressaltar que os servidores também aprovaram o repasse do mesmo índice do vale-alimentação (6,18%) para a cesta básica nutricional, destinada aos aposentados e pensionistas”, informa Laerte.

Pauta Não Econômica

Além dos itens econômicos, outras reivindicações inerentes a cada categoria que serão cobradas do Governo, e itens gerais, comuns a todos os servidores também foram aprovados pelos presentes à assembleia geral. A pauta completa é extensa e conta com reivindicações que visam diretamente a melhora nas condições de trabalho e, consequentemente, melhores serviços prestados aos ribeirão-pretanos. “Ribeirão é a potência que é por conta dos nossos servidores, que prestam excelentes serviços aos munícipes. Se a cidade não está melhor e por falta de investimento dos governantes no setor público e por falta de reconhecimento à categoria. Temos orçamento, temos ótimos profissionais, só nos falta investimentos para nos tornarmos uma das melhores cidades do país”, comenta Laerte.

Pauta será entregue na segunda

O Sindicato dos Servidores já oficiou o Governo Municipal de que a pauta aprovada pela categoria na noite desta sexta-feira (28) será entregue na tarde do dia 02 de março, primeiro dia útil do mês da data-base. O presidente do Sindicato, Laerte Carlos Augusto, afirma que é “necessário o Governo iniciar o mais rápido possível a negociação com os trabalhadores”. “Por isso já vamos entregar a pauta na segunda-feira (2) e esperamos iniciar a negociação rapidamente”, frisa Laerte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui