Multas: Sindicato reivindica estacionamento para motoristas da Cetrem

0
99

O Sindicato dos Servidores Municipais de Ribeirão Preto reivindicou junta a Secretaria Municipal de Assistência Social uma vaga de estacionamento na rodoviária para os motoristas da Central de Triagem e Encaminhamento do Migrante e Itinerante e Morador de Rua (Cetrem).
A cobrança foi feita depois de a Diretoria Atuante receber reclamações dos motoristas da Cetrem, dando conta de que os servidores estavam sendo multados no momento em que levavam migrantes para embarcarem na rodoviária. “Os motoristas da Cetrem estão fazendo mais que as suas funções, pois eles ajudam os migrantes a embarcarem, inclusive carregando malas. Mas, a partir do momento que eles são prejudicados, recebendo multas, fica difícil de trabalhar. Em alguns momentos eles vão até a rodoviária comprar passagens. Eles vão a mais de um guichê, e isso leva tempo. São nestes momentos que as multas são feitas, e mesmo sendo viaturas oficiais, os trabalhadores é que têm de pagar por elas”, diz a coordenadora da Seccional da SEMAS, Alzira Aparecida Alves.
Na reunião, o Sindicato passou para a secretária interina, Gisele Cristina da Costa, o problema envolvendo os motoristas da Cetrem. “Colocamos para a secretária as dificuldades que estão sendo enfrentadas pelos motoristas daquele local de trabalho. Ela entendeu e reconheceu o problema”, diz o secretário geral do Sindicato, Valdir Avelino.
A secretária informou que vai solicitar junto a Socicam (entidade que administra a rodoviária de Ribeirão) uma vaga para os veículos oficiais da prefeitura. “Vou encaminhar um ofício pedindo para que a Socicam disponibilize uma vaga no estacionamento que fica ao lado do setor de embarque e desembarque da rodoviária. Acredito que em pouco tempo teremos o problema resolvido”, disse Gisele.
“Com a medida que está sendo tomada pela SEMAS acredito que o problema será resolvido rapidamente. Não vamos aceitar que o servidor seja prejudicado”, finaliza Valdir.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui