Trabalhadores da Secretaria do Meio Ambiente cruzam os braços

0
109

Por algumas horas os trabalhadores da Secretaria do Meio Ambiente cruzaram os braços na manhã de sexta-feira (19/11), por conta do descaso da administração municipal que ainda não cumpriu com o que foi firmado no acordo coletivo dos servidores.
A diretoria Atuante apurou que os trabalhadores da Secretaria estão há pelo menos quinze dias sem receber pão e leite para o café da manhã.
Ainda não foi providenciada também a entrega de protetores solar e por conta disso os servidores estão sendo obrigados a trabalhar nas ruas e nas praças da cidade sem nenhum tipo de proteção e com a pele exposta ao calor nos horários de sol forte.
É comum também a reclamação de falta de banheiros químicos e melhorias nas frotas de veículos. Em uma Kombi os trabalhadores dividem espaço com galões de gasolina sem nenhum tipo de proteção.
O secretario do meio ambiente, Joaquim Rezende, chegou a conversar com os diretores do Sindicato e com os trabalhadores e garantiu que o pão e o leite já serão providenciados para a próxima segunda-feira (23/11), mas não deu um prazo para a solução dos outros problemas.
“O Sindicato irá voltar para ver se os trabalhadores estão recebendo o café da manhã e vamos cobrar a solução dos outros problemas o mais rapidamente possível. É a saúde do trabalhador que está em risco e não podemos deixar que essa situação permaneça”, afirmou o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Ribeirão Preto, Wagner Rodrigues.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui