Refeitório da Secretaria de Planejamento transformou-se em "lixão eletrônico" e arquivo morto

0
112

Servidores são obrigados a fazer suas refeições em meio à processos arquivados e sucatas eletrônicas amontoadas

Há alguns meses o refeitório da Secretaria Municipal de Planejamento ganhou nova função, além de espaço de alimentação, o ambiente tornou-se um grande “lixão eletrônico” e também o arquivo morto da pasta. Desde a “novidade”, os cerca de 80 servidores que trabalham no prédio estão fazendo suas refeições num espaço que se tornou inapropriado e até mesmo pouco higiênico.

O problema surgiu devido a grande quantidade de processos existentes na sede da pasta, que deveriam estar arquivados em armários apropriados, mas hoje ocupam mesas, cadeiras e até o fogão existente no refeitório. São pilhas e pilhas de papéis e caixas plásticas entulhados no espaço, que dificultam o horário do almoço dos trabalhadores. “Tem caixa plástica de arquivo amontoada por todos os lados. São muitos os processos que estão ocupando mesas e cadeiras. É quase impossível fazer uma refeição naquele local”, afirma o coordenador da Seccional da FAP, Wellington Augusto Bellinazzi.

IMG_20170808_090738

Além dos processos amontoados pelo refeitório, os servidores também têm que dividir o espaço com computadores estragados e sem condições de reparo. O lixo eletrônico está amontoado em uma escada junto com cadeiras quebradas e outros objetos.

“A maioria dos servidores utiliza o refeitório diariamente. É preciso retirar todo aquele lixo do espaço para que o trabalhador tenha a condição de fazer sua refeição com dignidade”, argumenta Bellinazzi. O Sindicato também constatou durante visita realizada pela diretoria que faltam extintores de incêndio em alguns locais do prédio.

IMG_20170808_090741

 Com chuva situação fica ainda pior

IMG_20170808_090747 

O que já é ruim, em dias de chuva fica ainda pior. Tudo porque o telhado do refeitório apresenta problemas estruturais e em dias de chuva, por causa das calhas entupidas, cai muita água no interior do cômodo. “Chove muito dentro do refeitório. As calhas estão entupidas, diversas placas do forro do telhado caíram e outras estão condenadas e podem até machucar um servidor caso caiam durante o almoço. É preciso melhorar a estrutura do telhado e fazer uma boa limpeza das calhas para evitar estes riscos”, salienta Bellinazzi.

IMG_20170808_091017

 Reunião foi feita, mas nenhuma providência foi tomada

Uma reunião com o até então secretário do Planejamento Ruy Salgado Ribeiro (que pediu exoneração no dia 21) foi realizada recentemente e todos os problemas foram relatados pela diretoria do Sindicato. Porém, até o momento, nenhuma atitude foi tomada pela administração do local para solucionar os problemas. “Como está é impossível continuar. O que tem de ser feito imediatamente requer pouco ou quase nenhum investimento financeiro. A Secretaria de Planejamento não tem desculpa para deixar o refeitório da forma que está, tem de ser encontrada uma sala adequada para se fazer o arquivo morto dos processos e o lixo eletrônico que está entulhado no prédio precisa ser jogado fora”, solicita o coordenador.

IMG_20170808_090637

“Uma limpeza nas calhas também melhorará muito a infiltração de água no espaço. Agora, extintor e a troca das placas do forro do telhado são questões de segurança que o governo, através do novo secretário Edsom Ortega, não pode se omitir, sob pena de ser responsabilizado se algo pior acontecer. Queremos soluções rápidas para esses problemas”, conclui o presidente do Sindicato, Laerte Carlos Augusto.

IMG_20170808_090959

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui