Prefeitura não cumpre acordo e Sindicato cobra incorporação para motoristas

0
93

O Sindicato dos Servidores cobrou na manhã de quinta-feira (10) do governo municipal a incorporação ao salário do prêmio de conservação dos motoristas. A prefeitura não cumpriu o acordo firmado com o Sindicato e com os motoristas de mandar para a Câmara Municipal o projeto de lei que prevê a incorporação do prêmio de conservação da categoria para que os trabalhadores levem o benefício para aposentadoria. O acordo foi firmado com a entidade que representa os servidores durante a data-base deste ano.

“O acordo foi firmado, tudo estava acertado, a ponto de o secretário de governo Osvaldo Ceoldo garantir que o projeto de lei já estava pronto e que seria encaminhado para a Câmara Municipal na sessão de terça-feira, dia 8 de julho. Como de costume em sessões que envolvem projetos importantes para os servidores fomos para a Casa de Leis e para a nossa surpresa o projeto não havia sido encaminhado pelo executivo”, ressalta o vice-presidente do Sindicato, Laerte Carlos Augusto.

O fato gerou uma grande insatisfação no Sindicato e entre os trabalhadores, que foram para a frente do Palácio Rio Branco e se reuniram com os secretários da Casa Civil e Governo, Lair Luchesi e Osvaldo Ceoldo, respectivamente.

“Conversamos com os secretários e cobramos uma explicação do que aconteceu e o porquê do projeto não ter sido enviado a Câmara. O argumento é de que o governo tem de estudar um pouco mais o projeto para depois encaminhá-lo. A verdade é que o que foi dito não nos convenceu e por isso solicitamos uma nova reunião, que irá acontecer no dia 16, para que o governo nos dê uma resposta se vai ou não cumprir o acordado, até para que possamos tomar as providências de acordo com a decisão dos trabalhadores. Esperamos que na próxima reunião o governo apresente a solução para o problema e o acordo firmado seja cumprido”, fala Laerte.

A reunião está marcada para a quarta-feira, dia 16 de julho, às 15 horas, no Palácio Rio Branco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui