Entrega do novo Cetrem tem participação do Sindicato e homenagem a servidores

0
123

A área que irá abrigar o novo Cetrem (Central de Triagem e Encaminhamento ao Migrante/Itinerante e Morador de rua) tem mais de 3 mil metros quadrados e fica no bairro Jardim Salgado Filho I em Ribeirão Preto. O evento de inauguração aconteceu durante a manhã desta terça-feira, 22, e contou com a participação de autoridades; empresários; acolhidos; dos representantes da seccional da semas, Jacira Campelo; Israel Marchiri Junior e demais membros da Diretoria Atuante do Sindicato dos Servidores Municipais de Ribeirão Preto. Na cerimônia, a entidade foi representada pelo presidente em exercício, Laerte Carlos Augusto, que discursou para o público e participou do descerramento da placa de inauguração.

Laerte destacou a importância do novo espaço que oferece agora mais estrutura proporcionando mais dignidade e qualidade de vida não só aos usuários do Cetrem, mas também aos servidores.

 “O Sindicato cobrava um novo prédio para o Cetrem há muito tempo, pois a entidade conhecia as dificuldades que nossos servidores tinham no local antigo, lá a estrutura era muito precária e isso afetava diretamente no atendimento dos acolhidos. Hoje, depois do sindicato fiscalizar e acompanhar esta obra por cerca de um ano, é uma alegria para a entidade saber que nossos trabalhadores contam agora com um local apropriado para desenvolverem esse trabalho tão importante na área da assistência social de Ribeirão”, disse o presidente em exercício.

Segundo o governo, cerca de 500 mil reais foram gastos para concluir a reforma do prédio onde funcionava um antigo motel, a secretária de assistência social, Maria Sodré, reforçou que o dinheiro veio, quase todo, por doações de empresários e instituições de Ribeirão Preto.

O espaço é dividido em três áreas, uma destinada exclusivamente às famílias que tem a cor laranja e foi batizada de “Esperança”, outra que fica na área amarela e recebeu o nome “Renascer” e atenderá somente os homens e, por fim, o espaço rosa que será a “casa de passagem”.

A capacidade de atendimento é de 150 pessoas e, todos os 42 quartos têm seu próprio banheiro, além disso, o novo Cetrem conta com refeitório, cozinha, salas para os servidores, área administrativa e espaço para atividades.

Homenagem aos Servidores

Um dos momentos mais emocionantes da cerimônia de inauguração foi quando os funcionários do Cetrem, cerca de 25 trabalhadores, foram homenageados pelo excelente trabalho que realizam e pelo esforço que cada um demonstrou em cada etapa do processo de reforma.

A Secretária Geral do Sindicato e também Assiste Social, Jacira Campelo, reforçou a homenagem. “Pra nós, cada funcionário é motivo de muito orgulho. Uma homenagem mais que merecida! O trabalho desenvolvido com as pessoas acolhidas diariamente pelo Cetrem merece muito respeito. E, hoje, nessa nova etapa que a central inicia em um novo prédio novo, foi bonito ver nossos servidores sendo aplaudidos de pé pelo trabalho deles. Nós, enquanto sindicato, fazemos parte dessa nova fase e continuaremos na luta pela valorização dos nossos trabalhadores”, concluiu Jacira.

Antigo Cetrem no bairro Campos Elíseos

 O antigo Cetrem funcionava desde 1989 no bairro Campos Elíseos e já foi alvo de muitas reclamações da população do bairro que se incomodava com a presença constante de moradores de rua nos arredores.

Para o Sindicato, o problema era outro: a estrutura precária do local que oferecia risco aos trabalhadores e usuários.

Realidade acompanhada de perto pelo Coordenador da Ceccional da Semas, Israel Marchiori Junior. “Nós visitávamos com frequência o prédio onde funcionava o Cetrem, pois recebíamos muitas reclamações dos servidores, eles sofriam com a falta de condições para trabalhar. O sindicato passou a cobrar do governo uma resposta em relação a essa dificuldade. Felizmente, o governo entendeu a necessidade e hoje estamos com uma nova casa”, celebrou o coordenador.

Assista a matéria completa:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui