Em três dias, Centro Pop é furtado duas vezes

0
90

Na última sexta-feira, 19, membros da Diretoria Atuante estiveram no Centro Pop (Centro de Referência Especializado em Assistência Social para Pessoas em Situação de Rua) no bairro Quintino Facci I, depois que mantimentos da cozinha foram furtados. Surpreendentemente, dois dias depois, a cena se repetiu. Quando os servidores chegaram ao centro na manhã desta segunda-feira, 23 notaram mais um furto na cozinha. Desta vez, diversos utensílios foram levados. Ninguém foi preso.

O Sindicato já havia alertado sobre a possibilidade de novas invasões, uma vez que as condições de segurança do local são precárias e precisam ser revistas com máxima urgência. Diante dos fatos, foi colocado durante reunião com representantes da Assistência Social que se instale uma cerca concertina ao longo de todo o muro do centro, assim como câmeras de monitoramento e melhorias em técnicas de segurança também nos horários de funcionamento do projeto. Os representantes do governo disseram que atenderão aos pedidos dos servidores e da entidade no prazo de 45 dias.

Para o Coordenador da Seccional da Semas no Sindicato, Israel Marchiori Junior, é necessário uma ação imediata do governo porque quem sofre com tamanha insegurança são os servidores. “Foram dois furtos em três dias. Isso é um absurdo! Os servidores estão com medo de um dia os ladrões resolverem entrar no prédio durante o horário de serviço. E aí eu pergunto ao governo, nós vamos esperar isso acontecer? Esperar o pior? Questionou o coordenador. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui