Cobrança do Sindicato: Câmara de Guatapará aprova novo piso dos ACEs e ACSs

0
98

Assim como fez em Ribeirão Preto, o Sindicato dos Servidores Municipais cobrou Governo de Guatapará a aplicação da emenda constitucional 120, que estabelece o piso salarial de dois salários mínimos para os Agentes de Combate a Endemias (ACE) e dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS). Diante da cobrança da entidade que representa a categoria, o Governo da Guatapará encaminhou para a Câmara Municipal um projeto de lei, que foi aprovado pelos vereadores na sessão da última segunda-feira, dia 08 de Agosto. Os trabalhadores ACEs e ACSs acompanharam a sessão, assim como a diretora do Sindicato, Mara Emídio.

“Essa é uma conquista significativa para as categorias. Assim que a emenda foi aprovada em âmbito nacional, nós já iniciamos a cobrança junto ao Governo. A aprovação do projeto representa, na prática, a valorização dos nossos trabalhadores”, comenta a coordenadora da Seccional de Guatapará, Mara Emídio.

“Ficamos muito satisfeitos com o resultado da nossa cobrança. Essa é uma conquista histórica para os trabalhadores daquele município e ficamos felizes em fazer parte desta grande vitória”, ressalta o presidente do Sindicato, Valdir Avelino.

Aplicação da Emenda 120 em Ribeirão

Assim como fez em Guatapará, a direção do Sindicato dos Servidores também tem cobrado do Governo Municipal de Ribeirão Preto a aplicação imediata da emenda constitucional 120 para os profissionais aqui do município. Várias reuniões com os gestores da saúde já foram realizadas.

“Na última reunião que tivemos, os gestores da Saúde nos informaram que já existe um projeto deles em análise, para contemplar a necessidade dos trabalhadores. Ribeirão precisa adotar os bons exemplos e assim como fez o governo de Guatapará, é preciso que o governo daqui acelere o passo e faça cumprir a lei o mais rápido possível. Sempre digo que quando é para atacar direitos dos trabalhadores, o governo é célere em sua decisões, mas quando é para valorizar a categoria, a morosidade sempre impera. Mas estamos unidos e vamos em busca desta valorização o mais rápido possível para os trabalhadores de Ribeirão Preto”, finaliza o presidente do Sindicato, Valdir Avelino.

Sindicato, o tempo todo com você!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui