Central portuguesa comemora os 38 anos da Revolução dos Cravos

0
135

A Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses – Intersindical Nacional (CGTP-IN) programou uma série de atividades em comemoração aos 38 anos da Revolução dos Cravos, episódio da história de seu país que colocou fim, em 25 de abril de 1974, à ditadura de Antônio Salazar.

Em Portugal, a data é um dos mais importantes feriados do país. Por conta disso, entidades de trabalhadores e movimentos sociais vão às ruas para relembrar as mais de quatro décadas de ditadura e comemorar seu fim.

Confira abaixo a mensagem divulgada pela CGTP-IN por conta dos 38 anos da Revolução dos Cravos:

Comemoramos os 38 anos do 25 de Abril de 1974, que restituiu a liberdade e a democracia aos portugueses e instituiu o regime democrático em que temos vivido em Portugal.

O 25 de Abril proporcionou a construção do regime democrático, com os direitos dos trabalhadores, as funções sociais do estado, a melhoria geral da qualidade de vida, com enormes ganhos na esperança média de vida, na instrução e na cultura e na felicidade e liberdade coletivas.

Nos tempos difíceis que hoje a maioria da população atravessa, por consequência dos acordos de agressão das troicas e das políticas suicidas de austeridade promovidas pelos governos PSD / CDS, justificam e exigem a todos uma participação empenhada nas comemorações do Dia da Liberdade.

O 25 de Abril liquidou as guerras coloniais que durante mais de uma década consumiu a juventude a os recursos de Portugal, estabeleceu a paz e o relacionamento em pé de igualdade com os povos dos Países de Língua Oficial Portuguesa.

O 25 de Abril é paz, confraternização, festa e luta pelos ideais maiores da humanidade.

As comemorações populares do 25 de Abril, como é tradicional, vão decorrer na noite de 24 e no dia 25, por todo o país, muitas delas organizadas pelos sindicatos e uniões da CGTP-IN.

Fonte: CTB

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui